Comunicação Empresarial

Comunicação EmpresarialA comunicação empresarial ou promoção (usando os 4Ps de marketing) é a forma como a empresa divulga seus interesses para os diversos públicos, não só os consumidores, mas também os fornecedores, os acionistas e os demais stakeholders.

Evitei usar o termo promoção no título do post pois muitos confundem (ainda) este termo com a questão de vender barato, o que não é verdade, apesar de existir, dentro das ferramentas de promoção, a de vendas, que envolve uma precificação menos onerosa.

Por questões de alinhamento conceitual, permanecemos com o termo promoção ligado à promover, comunicar, divulgar.

Etimologicamente, a palavra comunicar vem do latim (communicare) e significa “usar em comum, partilhar” e, então, por analogia, pode-se dizer que a comunicação empresarial tem a função de partilhar o que é interessante aos públicos.

Além disso, outras funções são a de informar, de persuadir e influenciar, principalmente a decisão de compra do consumidor/comprador.

A base da comunicação empresarial são os FATOS COMUNICÁVEIS, ou seja, todas as ações ou realizações da empresa que sejam merecedoras de menção e de referência.

Elementos e fluxo da comunicação de marketing

Existem diversos agentes e momentos (ações) na comunicação da sua empresa com os seus públicos, como mostra o esquema a seguir.

Fluxo da Comunicação Empresarial

Fluxo da Comunicação Empresarial

Como AGENTES, é possível identificar os seguintes:

  • Emissor: aquele que emite a mensagem, o que tem a necessidade de enviar a mensagem para alguém.
  • Mensagem: aquilo que se quer comunicar, o motivo da realização do esforço de comunicação de marketing, o fato comunicável em si.
  • Meio: por onde será enviada a mensagem.
  • Receptor: aquele que será atingido pela mensagem, o destinatário da mensagem.
  • Resposta: a ação realizada pelo receptor.
  • Ruído: interferências que podem acontecer durante o fluxo de comunicação, em qualquer momento.

As AÇÕES, por sua vez, são:

  • Codificação: a mensagem que se quer emitir deve ser codificada pelo Emissor para estar alinhada ao meio que será utilizado.
  • Decodificação: o Receptor, ao receber a mensagem, decodifica-a de acordo com as suas capacidades.
  • Feedback: os resultados do esforço de comunicação de marketing, que são utilizados na realização de uma próxima ação.

Tipos de comunicação empresarial

Essencialmente são 3 os tipos de comunicação que uma empresa pode realizar.

O primeiro tipo é a Comunicação Administrativa e/ou Interna. É a comunicação realizada pela empresa para os seus colaboradores ou entre os seus colaboradores. É realizada formalmente via memorandos, circulares, intranet, e-mails, reuniões, atas e outros e, informalmente, nas conversas entre colaboradores, como acontece nos “encontros de cafezinho”, por exemplo.

Por meio deste tipo de comunicação, os colaboradores tomam conhecimento das movimentações da empresa, de forma geral ou específica/setorizada.

A Comunicação Mercadológica é a segunda forma disponível e pode ser realizada em dois sentidos. Um destes sentidos, mais evidente para nós, é da empresa para com o seu público-alvo, seus consumidores/compradores e é fundamentada, essencialmente, na venda. Esta comunicação é realizada por meio de esforços variados, que serão abordados em um post específico.

Em outro sentido, a comunicação mercadológica pode ser realizada com os fornecedores, isto é, com a cadeia produtiva, e é concretizada por meio dos pedidos de insumos, matérias-primas e outros materiais que a empresa necessite para a realização das suas atividades. Nesta comunicação, deve-se observar, sempre, as características do que se pede, a quantidade, o preço e as condições de pagamento e entrega.

Por fim, a Comunicação Institucional, que também é realizada pela empresa por meio dos mecanismos de comunicação e direcionada para o público-alvo, mas diferentemente da comunicação mercadológica, não tem o intuito de vender. O intuito deste tipo de comunicação empresarial é mostrar a marca, seus valores, seus diferenciais.

Por exemplo, as instituições financeiras realizam esforços de comunicação mercadológica quando vendem seus produtos e serviços (poupança, conta corrente, planos de investimento, etc.) e de comunicação institucional quando o material menciona os valores/diferenciais da instituição (solidez, segurança, etc.)

Este conteúdo é parte integrante do programa de capacitação O Caminho da Estratégia.

Caso tenha alguma dúvida com relação ao tema comunicação empresarial ou sugestão, entre em contato.